segunda-feira, 28 de setembro de 2009

O que você vai ser quando crescer?


Entramos eu e a Namorada em uma loja de brinquedos para vermos o preço de um jogo. Aí aproveitamos para olhar as novidades e matar as saudades da aurora da nossa vida, da nossa infância querida que os anos não trazem mais. E eu comecei a perceber o quanto os brinquedos de menino são mais atraentes que os de meninas. Naves espaciais, super heróis, carrinhos de controle remoto, blocos de montar e mil traquitanas para estimular a criatividade dos garotos, embalados em caixas coloridas e atraentes.

Quando chegamos à seção das meninas, veio o primeiro susto: era TUDO rosa. TUDO! Quando não era a caixa em si, pelo menos o logotipo era rosa. Aquilo já me incomodou: meninas não podem gostar de outras cores? Que tédio!

Mas o pior ainda estava por vir... Não bastasse o rosa idiotizante, todos os brinquedos ali ensinavam a menina ser... DONA DE CASA! Tanta coisa divertida para uma criança fazer e a garotinha tem que se divertir em cozinhar e lavar roupa? Quanta maldade!

Quer aprender a lavar louça? Tem a Pia Mágica SUPER:


Prefere uma cozinha completa? Então leva o trio Refrigerador Duplex, Lava-louças e Fogão:


Quer fritar ovo? Tem a Super Cozinha Maluquinha (maluquinha é quem inventou isso!) ou a Cozinha Legal (legal é quem não compra isso para a filha):



E esse aqui? Meu Primeiro Fogão! Tinha que ser minha primeira Ferrari, meu primeiro terninho Armani, meu primeiro milhão... Mas primeiro fogão? Isso é sacanagem!

Mas o melhor de todos para mim foi esse:


TÁBUA DE PASSAR! Isso lá é coisa que se dê para uma menina brincar? Passar roupa é a coisa mais chata ever, e fazer uma menina se divertir com isso deveria ser crime hediondo!

Pelo menos as bonecas Suzi salvaram o dia: porque trabalham – tinha DJ e Aeromoça* da TAM – e porque se cuidam e sabem aproveitar a vida – tinha também a Suzi que malha e a que se joga na balada.


Como vamos estimular a inteligência das meninas assim? Enquanto os garotos ficam lá queimando neurônios para montar seus Legos, as garotas matam os delas de tédio de tanto fazer comidinha.

Acho que tenho lido muito o blog da Marjorie Rodrigues, ando com muitas idéias feministas fervilhando na cabeça...

* Tá, eu sei que agora o certo é Comissária de Bordo, mas eu acho Aeromoça mais charmoso...

33 comentários:

Crisão disse...

Cara Alice,
lembra daquelas revistas das década de 50 a 70? Veja o link: http://www.midiainteressante.com/2009/03/frases-retiradas-de-revistas-femininas.html.
Ridículo. RI-DÍ-CU-LO!!! Hoje em dia a coisa tá mais suave, mas não menos machista. Pior. Feminista.

As Beliscas disse...

Eu já não acho a Suzy uma boa idéia, ela estimula a erotização muito cedo, a meninda quer ser como a boneca, usar saias curtas, salto alto, maquiagem, quer ter namorado etc... Mas dá $$$ as empresas vendem... Enfim, tá TUDO errado!

Taliny disse...

Bah, sempre 'brigo' com a mãe por causa disso..já que é pra ser assim, pq meninos não podem brincar de lavar roupas ou coisas do tipo?!sempre falo que último brinquedo que minha filha terá sera desse tipo, já é chato ter q fazer isso depois de grande. Sorte que tive/tenho um irmão e podia sempre brincar com ele de carrinho.

Alice disse...

Passada com as frases, Crisão! Vou pedir para mamãe cancelar nossa assinatura de Claudia só de pirraça!
:)

Kel disse...

Cara, eu sempre detestei esses brinquedinhos de casinha, achava uma merda!

Poucas linhas de brinquedos femininos usam outra linha de raciocínio, vc encontra uma ou outra que estmula profissões, e mesmo essas sempre colocam profissões "femininas" do tipo Professora, Enfermeira, Aeromoça, até estranhei ter uma Suzy DJ!
Ainda espero encontrar uma barbie policial, ou campã de Cross! xD

mayra Bláh bláh disse...

nossa q coisa heim!! Ainda bem q nunca tivi meu primeiro fogão, GRAÇAS meu pai q teve apenas flhas mulher kkkkkk lembro q preferia brincar na rua com os meninos o dia inteiro i quando chegava em casa ainda tinha q brincar de lutinha com o pai (sim eu brincava disso ¬¬ kkk) i depois ele sempre me dava brinquedos q ele tbm podia brincar entao... nao era novidade eu brinca com o homem aranha q escalava a parede porq tinha sei la o q na mao. o fazer uma pipa toda tosca pra um garoto ainda robar!

jessicadeverdade disse...

Genial o post!
Abaixo ao meu primeiro fogão e etc...
té mais

Gisa Lima disse...

É por isso que eu brincava com os brinquedos dos meus irmãos quando eu era criança, era tão mais divertido!:D

Até hoje adoro fazer coisas que praticamente são "restritas" a homens, trabalho com informática em um departamento onde sou a única mulher no meio de quase 50 cuecas.

Como é bom ser do contra!!!
:D

bjbj,

Gi.

claudia guay disse...

nossa, very deprê mesmo!
pq não fazem então um carrinho de rolimã rosa? ou um kit de empinar pipas rosa? playmobil só de meninas??? sendo rosa com florzinhas as mães iam achar que suas filhas ainda estariam no caminho 'do bem'. hehe...

Amanda disse...

o post! vou twittar!

beijoo

Mallika disse...

Chocada com a Marjorie Rodrigues...
muito boa a dica do blog..
+++++
Ai, já falei que eu queria a poha de um playmobil?? E um trenzinho elétrico e um capacete do Darth Wader. Não me deram nada disso.
Tenho ódio do mundo!!!! óooodio!!!
aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah!

Alice disse...

Eu confesso, meninas: era uma moleque quando criança. Brincava só com coisas de menino: de bang bang a G.I. Joe. Só tive UMA Barbie, que morreu de carência, tamanha a falta de atenção com ela...

E eu concordo com a Kel, poucas linhas de brinquedo saem da mesmice de menina-professora-ou-dona-de-casa. Lamentável!

Suellen disse...

Pois é, eu ganhei várias Barbies quando era criança, mas só tinha vontade de brincar com os Legos do meu irmão.
Um tempo depois a gente fez uma troca, minhas Barbies nos Legos dele =)

Fer disse...

minha maior alegria foi quando tinha uns 7 anos e na empresa que meu pai trabalha eles trocaram meu presente de natal.

as meninas todas ganharam uma boneca da Xuxa (arghhh), e eu ganhei um caminhãozinho de madeira lindooooooooo!

na verdade era um furgão e tal, dava pra tirar a parte de cima e carregar outros brinquedos, abria as portinhas, era tudo!!!

meu brinquedo preferido *-*

Da Silva disse...

Isso aí é feio, mas está longe de ser novidade

Anna disse...

mas vc tá certa mesmo! Dizemos tanto que homens e mulheres tem direitos iguais, mas é a mais pura mentira. Desde cedo querem colocar na mente das meninas que a única função delas é casar, cuidar da casa e dos filhos, enquanto tentam desenvolver ao máximo a mente masculina. Só porque mulheres tem maiores ligações entre os dois lados do cérebro... [afinal, de que adianta ter mais neurônios se não possuem ligações? -qq]

estranhamente, sempre brinquei com brinquedos de menino *o* eu ignorava tudo que tinha a ver com casa e roubava os carrinhos dos vizinhos xP

Marcia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pensando disse...

Nossa isso me fez lembra quando criança..eu abandonava meus brinquedos pra ir brincar com o meu irmão e primos..pra mim não tinha nada mais intediante do que brincar de cazinha enquanto os meninos se aventuravam com seus carrinhos. Fala sério.quem produz isso quer fazer lavagem cerebral em nós mulheres, temem nosso poder ..huaaaahuaa...e tenho dito:)

Mundo The L. disse...

Cara...

Incrível..

eu até brincava de casinha e cozinhava e tals...

mas era só pra "brincar" com minha prima...

depois q passei a brincar só, dei minha boneca pro meu gato comer...

mamae me matou na época....





mas é engraçado...e degradante...

Huntress disse...

Por isso que eu odiava brinquedos de menina. Minha infância teve muito Lego, carrinhos, playmobil, e ta, barbie. Mas a Barbie era mais instrumento de tortura, sei lá, eu tinha recalque por ela ter tudo. Até hoje sonho com aquela casa de três andares..

♥ ƬลttΨLoira ♥ disse...

Amei o post!Você tem toda razão...Me diverti e dei umas ótimas risadas..huahuahuahua
Bj

Uma Pulga em desesperO disse...

Machismo sté na infância...

Lumaa ~ disse...

eu sempre quis que no meu quarto tivesse um grande hot Wheels para eu montar.

minha mãe nunca deixou.. disse que era coisa de menino.
tive uma infância muito frustrada por isso.. e sou infeliz até hoje :)

Clara disse...

Também acho muuuuuuuito mais legais as brincadeiras de meninos. Achava um saco brincar de "mamãe filinha" quando tinha essa idade, mas no fundo acho meio natural esse interesse das meninas por esse tipo de brincadeira. É claro que existe o maxismo iminente incentivando, mas, não sei...

Aline Brandão disse...

Ah, fala sério, eu sempre me amarrei em brincar de comidinha com folha de amendoeira e em varrer a casa com aquelas vassouras de criança! Só que eu também fiz manha e bati pé até ganhar meu lava-jato cheio de Hot Wheels. :D

Não vejo problema no minifogão ou na minitábua de passar, mas por que a coisa tem que ser comercializada como sendo "de menina"? Aí os cuequinhas viram adultos e dependem de mamãe pra fazer um mísero arroz, passar uma camisa...

Guarda Chuva disse...

Quando eu era pequena eu sempre deixava as bonecas de lado pra brincar de playmobil, lego, e comandos em ação e guerrinha com arma de brinquedo na rua com meu primo HAAHAHAHA, sempre tive muita barbie mas quem "brincava" com elas era minha mãe :S Enquanto minha prima queria a boneca que falava, fazia xixi, coco, e tocava punheta, eu queria um microscopio *-* pra ficar olhando os insetos :B adora brincar com inseto :B

upperdive disse...

nossa... NINGUÉM merece mesmo...
mas eu também sempre curti mais os brinquedos de meninos... pra falar a verdade eu sempre preferi jogar bola do que propriamente brincar com brinquedos mas na hora do LEGO ou quebracabeça eu nunca brincava de barbie com minhas amigas hehehe..

Guarda Chuva disse...

Alice...acho que somos da mesma cidade :| HAHAHAHAHA agora que me dei conta disso o.o'

Sabóia disse...

Alice,

Gostei bastante da matéria " O que você quer ser quando crescer". Mas, receio que haja pontos que merecem maior esclarecimento. Pode sim ser verdade que haja toda uma mensagem de submissão da mulher na simbologia dos brinquedos infantis. Porém, evitemos pensar que isso determinará as futuras escolhas da criança. Pode haver influência indireta, mas não determinação. Você tocou num ponto importante que é a questão das cores e da ludicidade dos brinquedos. Pesquisas comprovaram que crianças, em fase sensório-motora, quando colocadas em quartos com poucas cores ou cores não estimulantes como o rosa, tem maior atraso no desenvolvimento da percepção. Isso significa sim que há um certo comprometimento do desenvolvimento cognitivo ( mesmo em crianças de QI alto). Concluindo: o ambiente é fator primordial no desenvolvimento da personalidade e da cognição humanas e a idade do faz-de-conta para as crianças deve ser bastante enriquecida com brinquedos que estimulem o uso da percepção, da criatividade e do raciocínio, ao invés de brinquedos que apenas retratam situações cotidianas dos adultos ( como cozinhas, pias, fogões, etc).

manicomiomundo disse...

Nunca gostei dessas bonecas.
Acho que nasci feminista.

Maluco do Pão disse...

a gente sempre discute sobre essas coisas na faculdade... hehehehehehe

Shirlei disse...

Vivam os reforços de gênero!! Eles sempre nos dizem menina pode isso! Menino pode aquilo!

Que vidinha mais organizada para ser normativa!!

E afinal o que que é normal?

Simone disse...

Atualmente a coleção da Polly lançou um lava-a-jato e uma pista de corrida para as meninas...rs